Saleiro, pimenteiro e paliteiro criativos

Na cozinha precisamos ter à mão os temperos para se tornar mais fácil a nossa vida, pois o dia-a-dia é uma correria. Além da funcionalidade do saleiro, pimenteiro e paliteiro, tem saleiro com porta ovos, eles  também servem para decorar. Ficará muito mais divertido e ainda dará um charme a mais na sua prateleira ou na sua mesa.

saleiro e pimenteiro

Você não vai utilizar na mesa sachê que veio junto com o lanche pedido na lanchonete, né? Você vai até fazer comida sem sal e pimenta só para pedirem seu saleiro, pimenteiro ou paliteiro, de tão lindos que são!

Modificada

Corre amiga! Todos eles tem na Laris!

Sem título

1. SALEIRO E PIMENTEIRO TULIPA 2. SALEIRO E PIMENTEIRO PINGUIN3. SALEIRO E PIMENTEIRO SWEET HOME 4. SALEIRO E PIMENTEIRO PINGUIN – BASE DE BAMBU5. SALEIRO E PIMENTEIRO CATS – BASE EM BAMBU

ASSINATURA BLOG

Culinária – 5 temperos para ter em Casa

Aprenda como cultivar ervas e temperos em sua casa. Com um pouco de criatividade e cuidado, é possível ter sua própria plantação em qualquer lugar.  É possível usar pequenos vasos de flores. Confira as dicas que selecionamos para vocês:

horta_em_casa_1

1. Cebolinha
Versátil, a cebolinha é ótima para ter em casa sempre à disposição, já que combina com diversas receitas e seu cultivo é simples. A erva dispensa a incidência direta de sol, mas é necessário que o ambiente seja iluminado e a rega abundante. Apenas lembre-se de adubar o solo com compostos orgânicos antes do plantio. Na colheita, escolha as hastes externas, retirando-as pela base.

2. Alecrim
Fonte de ferro, cálcio e vitamina B6, o alecrim é um tempero muito usado em para sopas, massas e carnes. Cresce em vasos com facilidade, e deve ser plantado em recipientes de, no mínimo, 20 cm de diâmetro e 30 cm de altura. É importante que receba iluminação direta e abundante, mas evite regá-lo em excesso. Regue duas vezes por semana e, na colheita, sempre corte apenas as pontas dos ramos.

3. Manjericão
Indispensável na culinária mediterrânea, acredita-se que o manjericão garante maior longevidade. Para plantar em casa, prefira os vasos individuais e mantenha-os sempre expostos ao sol: o calor acentua sabor e aroma da erva. Regue todos os dias, de preferência pela manhã. Para a colheita, escolha os galhos com as folhas maiores.

4. Hortelã
Excelente tanto para chás, por suas propriedades digestiva e calmante, como para temperos de pratos salgados, a hortelã é fonte de cálcio, ferro, fósforo, potássio, vitaminas A, B e C. Pode ser cultivada em jardineiras, junto de outros temperos, e se desenvolve até em condições climáticas adversas. A hortelã não necessita de exposição direta ao sol, e a irrigação deve ser feitas diariamente. Quando for colher a erva, selecione os galhos mais altos e verdes.

5. Orégano
O orégano, tão apreciado na culinária italiana, deve ser ficar exposto ao sol por cerca de quatro horas diárias para que o sabor do tempero seja realçado. Regue diariamente, mas sem encharcar o solo. Espere até a planta atingir a altura de 20 cm para a primeira colheita e deixe os ramos expostos em local ventilado durante alguns dias para secá-los.

ASSINATURA BLOG